O mercado moderno está em constante transformação. As mudanças não se restringem aos fatores externos que têm interferência direta na conquista de clientes. As organizações têm se preocupado cada vez mais com aspectos internos, como retenção de talentos e redução de custos. E é por esse motivo que é cada vez mais importante aperfeiçoar a gestão de benefícios nas empresas.

Apesar de essencial, muitas companhias ainda desconhecem as vantagens de investir nesse tipo de gestão. Foi pensando em esclarecer os principais pontos sobre o assunto que a New Action Consultoria criou esta lista com as principais vantagens de implementá-la. Confira!

Reduzir o IR dos colaboradores

Sabia que é possível reduzir o gasto com alguns impostos, fazendo uma gestão de benefícios nas empresas de maneira adequada? Certos tipos de incentivos podem até não contribuir tanto para a lucratividade da empresa, mas fazem bastante diferença na imagem da marca no mercado. Isso porque alguns dos tributos pagos podem ser destinados para financiar projetos de responsabilidade social.

Quer um exemplo? A empresa pode adquirir o vale-cultura, por exemplo, repassá-lo aos funcionários e ter uma dedução no IR de até 1%. O que serve como uma motivação ao desenvolvimento dos profissionais, além de evitar um gasto excessivo com tributos.

Diminuir a rotatividade de funcionários

Uma das maiores preocupações das empresas é com a taxa de rotatividade dos funcionários. O também chamado turnover tem um impacto direto nos recursos humanos de uma organização. Quando o número é alto, a empresa perde tanto em produtividade quanto em lucratividade, o que é algo impensável na atualidade, haja vista que a competição entre companhias está cada vez mais acirrada.

Mas, o que a sua empresa tem feito para mudar essa realidade? Muitas vezes, a resposta está justamente na correta gestão de benefícios. Existem vários motivos pelos quais um colaborador pode deixar a organização, entre eles o pouco reconhecimento e os baixos salários, estão entre os principais.

Por isso, atuar diretamente na adequação dos benefícios dados aos colaboradores é fundamental. Pequenas mudanças já fazem uma grande diferença, por isso, procure conhecer as necessidades dos profissionais que atuam internamente para saber quais as bonificações mais adequadas a eles. Por exemplo, se a equipe atua em um ambiente estressante, a mudança do layout, bem como avaliar a possibilidade do oferecimento de home office e viagens para quem bater metas são boas alternativas.

Aumentar a produtividade da equipe

Que empresa não sonha com uma equipe altamente produtiva, não é mesmo? Você sabia que fazer a gestão de benefícios poderá aumentar esse índice? Para isso, é fundamental fazer com que os colaboradores fiquem satisfeitos com as suas tarefas, estejam engajados e alinhados com as metas da organização.

Logo, inclua benefícios que promovam a saúde dos profissionais que atuam internamente, mas também que reconheçam os esforços por eles feitos no cumprimento das metas. Sendo assim, a gestão deve se preocupar em adaptar as bonificações de acordo com a equipe, como oferecer prática de ginástica laboral, entre outros.

Vale lembrar que esse o investimento em uma consultoria de benefícios ajuda a diminuir custos futuros e desonera o RH, haja vista que os trabalhadores menos expostos às doenças e estresse cotidiano, além de produzirem mais, também faltam menos ao trabalho.

Melhorar a integração entre colaboradores e RH

O bom relacionamento de todos os setores da empresa e o RH é algo fundamental para o sucesso de um empreendimento. Quando o departamento de pessoal trabalha diretamente buscando entender as necessidades dos profissionais que atuam na organização, fica mais fácil integrar a equipe e direcioná-la rumo ao atendimento dos objetivos da empresa.

Aliás, vale lembrar que a integração entre as áreas e o RH ajudará muito a estabelecer benefícios mais satisfatórios, criando um clima organizacional harmonioso e diminuindo tensões entre profissionais de hierarquias diferentes. Por exemplo, oferecer planos de saúde que abranjam toda a família do colaborador é uma boa dica.

A ideia é que os benefícios sejam divulgados aos trabalhadores e que eles saibam exatamente como funciona o recebimento deles. Essa ação contribui para aumentar a motivação deles (envolvimento da família, diminui a rotatividade), tornando crescente o índice de credibilidade da empresa diante dos profissionais.

Acompanhar o custo-benefício das vantagens oferecidas aos colaboradores

Uma das maiores vantagens da gestão de benefícios para empresas é que por meio dela é possível acompanhar o custo-benefício das vantagens oferecidas. Isso quer dizer que o RH terá um controle maior sobre o que oferecer e também os impactos dos benefícios no dia a dia da organização.

A gestão deve embasar o planejamento, que terá como principal objetivo atender as necessidades dos colaboradores de acordo com o custo-benefício que a opção escolhida tem para o negócio. Ou seja, escolher corretamente o fornecedor do benefício e estabelecer o valor que será investido.

A ideia é que ao tomar a decisão seja possível analisar os resultados a longo prazo do benefício, por exemplo, se ele reduzirá a rotatividade, ajudará no aumento da produtividade e ajudará no crescimento profissional dos colaboradores.

Estabelecer as estratégias futuras da organização

A gestão de benefícios não ajuda só o RH a embasar as suas decisões e planejar ações do setor. A administração dos benefícios e a coleta de dados sobre os efeitos que eles têm sobre os colaboradores também ajudam outras áreas da empresa a planejarem as suas ações futuras.

Pense na seguinte situação: a empresa está oferecendo benefícios que interferiram diretamente na produção diária. Ao repassar esses dados para os outros setores, eles podem planejar ações futuras de trabalho, como metas mais ousadas a serem conquistadas. Além disso, a organização pode fazer maiores investimentos nos benefícios aos colaboradores, principalmente, para reter os talentos.

Como foi possível identificar ao longo do artigo, a gestão de benefícios é capaz de trazer uma série de vantagens para a empresa que a aplica. Entre os destaques estão o maior engajamento da equipe e a redução dos custos, dois fatores que têm impacto direto sobre a lucratividade e o sucesso da organização no mercado.

Agora que você já conhece melhor sobre a gestão de benefícios nas empresas, que tal entrar em contato conosco? Somos especialistas em consultoria e gestão de benefícios corporativos ligados às áreas de saúde, seguro e previdência privada!