Escolha uma Página

A saúde dos funcionários é determinante para que uma empresa tenha mais produtividade, além de um ambiente mais harmonioso. Quando a empresa oferece benefícios e programas focados em melhorar a qualidade de vida e o bem-estar, seus colaboradores trabalham com mais vontade e dedicação. Afinal, são gratos a quem os ajuda.

Por isso, escrevemos este artigo com algumas dicas e principais ações que sua empresa pode fazer para melhorar a saúde dos funcionários. E para auxiliar na gestão desses benefícios, conte com uma consultoria especializada!

Benefícios de investir na qualidade de vida dos funcionários

Primeiramente, vamos falar sobre os benefícios de investir em formas de melhorar a saúde dos funcionários, o que significa, em escala maior, melhorar a qualidade de vida no trabalho. Isso está relacionado à satisfação de um funcionário em desenvolver sua carreira e sua vida pessoal em seu ambiente de trabalho.

Por volta dos anos 60, muitos estudos realizados nessa área identificaram que funcionários produziam mais quando estavam felizes e satisfeitos.

Nesse contexto, o setor de RH desempenha um importante papel na manutenção da qualidade de vida no trabalho. Ele é responsável por buscar compreender as necessidades de cada colaborador dentro da empresa, a fim de satisfazê-las.

Os benefícios de melhorar a qualidade de vida dos funcionários são:

Redução de turnover

O turnover de uma empresa é a rotatividade de pessoal, a relação entre admissões e demissões dentro de uma organização. Empresas que apresentam alta rotatividade podem possuir falhas na saúde ocupacional dos seus trabalhadores, trazendo uma insegurança para o próprio negócio.

Uma rotatividade alta significa mais gastos para a empresa, que precisa arcar com custos de demissões e substituições de funcionários e novas capacitações. Além disso, mudanças constantes na equipe podem resultar na diminuição da qualidade do produto ou serviço oferecido.

Os índices de rotatividade diminuem, consideravelmente, em empresas cujos funcionários têm qualidade de vida e bem-estar.

Melhora da produtividade

Como é de se esperar, um funcionário saudável e motivado produz muito mais que um funcionário infeliz e desmotivado, que não se sente valorizado pela empresa. O aumento da produtividade é um dos maiores benefícios do investimento em qualidade de vida no trabalho, para a própria empresa.

Essa melhora acontece de duas formas:

  • qualitativamente: o funcionário melhora sua relação interpessoal com clientes e equipe, além de ter mais motivação, confiança e clareza de pensamento no dia a dia;
  • quantitativamente: aumento no número de vendas e diminuição do desperdício de tempo e material.

Retenção de talentos

Ao diminuir o turnover dentro da empresa, os gestores criam mais oportunidades para que os funcionários se destaquem ao longo do tempo. Esses funcionários motivados, que já fazem parte da empresa e a conhecem bem, trabalharão melhor e poderão alcançar seu potencial dentro de um ambiente favorável.

Cabe ao RH valorizar os trabalhadores da empresa, para que eles vejam uma oportunidade de crescimento e se sintam ainda mais motivados a se dedicarem e se esforçarem.

Melhora do clima organizacional

Os gestores que investem na qualidade de vida criam um ambiente favorável dentro da empresa, o qual será continuamente alimentado pelos próprios funcionários.

Colaboradores felizes e motivados constroem um clima organizacional leve e agradável que, por sua vez, influencia positivamente o trabalho individual. Os novos funcionários que chegam à empresa se deparam com um ambiente propício para:

  • construção de boas relações interpessoais;
  • comunicação interna clara;
  • diminuição de conflitos;
  • aumento de confiança entre as equipes.

Maneiras de melhorar a saúde dos funcionários

Crie uma cultura focada na saúde do trabalhador

A preocupação com a saúde do funcionário deve fazer parte da cultura organizacional da empresa. Todos os níveis de hierarquia devem estar envolvidos com as ações e aplicá-las no cotidiano da empresa. Principalmente os gestores, que são os exemplos de liderança que devem ser seguidos.

Algumas ações que contribuem para a cultura focada na saúde são:

  • estimular os funcionários a beber água nos intervalos;
  • incentivar o uso da escada no lugar do elevador;
  • disponibilizar um espaço para descanso e/ou lazer;
  • criar campanhas de conscientização (tabagismo, obesidade, depressão);
  • disponibilizar informação sobre ergonomia no trabalho;
  • organizar um dia para doação de sangue, entre outros.

Invista em programas de prevenção

Crie ações que incentivem seus colaboradores a se prevenirem contra algumas doenças comuns, como hipertensão, colesterol alto, diabetes e estresse. Você pode programar palestras com profissionais que orientam e prestam serviços de pré-diagnósticos.

A New Action Consultoria, por exemplo, tem um Programa de Qualidade de Vida que é alinhado com o processo da Qualidade Total. Esse programa tem por objetivo proporcionar aos funcionários um gerenciamento de seus estilos de vida e da sua própria saúde.

Além disso, também trabalha-se a melhoria nos relacionamentos interpessoais, para que haja um equilíbrio entre mente e corpo que resulte em atitudes mais proativas e satisfação no trabalho.

Ofereça plano de saúde

Com um plano de saúde empresarial, você terá certeza de que, em caso de algum acidente de trabalho ou adoecimento, o colaborador terá um atendimento bom e eficiente, permitindo que ele retorne rapidamente ao trabalho, em boas condições.

Quando um funcionário tem um plano de saúde, principalmente um que se estenda à sua família, ele se sente grato à empresa e dificilmente decide sair ou fazer algo que possa prejudicá-lo ali. Todos só têm a ganhar!

Incentive o check-up anual

Essa também se trata de uma ação preventiva. Você, certamente, tem colaboradores que não realizam um exame clínico há muito tempo, impedindo que algumas doenças sejam diagnosticadas no início, quando ainda não geram sinais e sintomas no corpo.

Organize os departamentos para que os colaboradores se revezem e tenham um dia de folga para a realização desses exames, que podem ser realizados pelo plano de saúde empresarial.

Estimule a ginástica laboral

Mais uma forma de melhorar a saúde dos funcionários é oferecer a prática da ginástica laboral. Ela é rápida e pode ser feita no ambiente de trabalho, com os funcionários vestidos com as mesmas roupas que usam para trabalhar. Trata-se de exercícios que visam o alongamento, controle da respiração e alívio da tensão e estresse.

Ofereça um bom ambiente de trabalho

Hoje em dia, fala-se muito sobre o ambiente organizacional dentro das empresas, com enfoque nas relações de liderança e entre as equipes, o que é essencial para a motivação dos funcionários. Porém, é preciso também preocupar-se com o ambiente físico de trabalho.

Alguns itens básicos precisam ser oferecidos aos funcionários para que eles se sintam bem fisicamente e não se lesionem durante o período de trabalho. É necessário propiciar um ambiente com:

  • espaço suficiente para que todos exerçam sua função;
  • mobiliário confortável;
  • ambiente térmico agradável;
  • iluminação e acústica adequadas;
  • espaço para descanso e alimentação;
  • limpeza constante.

Dê feedback

Um dos papéis mais importantes dos líderes, dentro de uma empresa, é o de dar feedback para seus funcionários. Ele funciona como um guia para o trabalhador, uma forma para que ele saiba se está desempenhando de forma correta a sua função dentro da organização.

Isso faz o funcionário se sentir amparado, orientado e seguro. Além de aumentar a sua autoestima, reforçar os comportamentos positivos e ajudá-lo a perceber os comportamentos negativos, que precisam ser mudados.

Ofereça horários flexíveis

A rigidez com os horários dentro da empresa é uma das principais reclamações dos funcionários. O horário comercial fixo muitas vezes impede que o trabalhador resolva problemas pessoais e compareça a compromissos relacionados à saúde.

A jornada de trabalho com horário flexível dá autonomia ao colaborador para organizar sua agenda, conciliando trabalho e vida pessoal. Esse benefício também reduz o turnover, pois é muito reconhecido pelos funcionários, que pensam duas vezes antes de deixar a empresa.

Incentive momentos de pausa

O trabalho em excesso pode ter um grande impacto negativo sobre a saúde dos trabalhadores. Realizar algumas pausas ao longo do dia de trabalho é necessário para evitar a fadiga física e mental, reduzir o estresse e, consequentemente, melhorar o desempenho do funcionário.

É preciso incentivar pausas para beber água, ir ao banheiro, fazer um lanche, tomar um café ou mesmo conversar um pouco com alguém da equipe.

Outro fator importante diz respeito às horas extras de um funcionário. Não é interessante para a saúde que ele ultrapasse, com frequência, a jornada de trabalho.

Trabalhe também a saúde mental

Investir em formas de promover a saúde mental dos funcionários é tão importante quanto promover a saúde física. Afinal, é uma boa saúde mental que deixa os funcionários mais felizes, com mais envolvimento, criatividade e determinação no ambiente de trabalho.

Algumas atitudes que ajudam na promoção da saúde mental são:

  • permitir que os funcionários exponham suas opiniões e expectativas;
  • incentivar a independência do funcionário dentro da sua área de atuação;
  • compartilhar informações sobre o trabalho que está sendo realizado;
  • incentivar a boa relação entre gestores, funcionários e dentro das equipes.

Essas são algumas possibilidades para melhorar a saúde dos funcionários, que se refletirão em benefícios tanto para a equipe, quanto para a empresa.

Gostou de saber como melhorar a saúde de seus funcionários e como isso pode trazer benefícios? Então, curta nossa página no Facebook e fique por dentro de todos os nossos conteúdos!